Reportagem do Fantástico alerta sobre intolerância

reportagem do fantástico

Reportagem do Fantástico exibida no dia 9 de junho de 2019 alerta, novamente, para o crescimento da intolerância religiosa no Brasil.

Embora curta, parcial e pouco explicativa, a reportagem do Fantástico mostra disposição em dar espaço para as religiões de influência afro no Brasil.

Reportagem do Fantástico exibida em 09/06/2019

Dessa forma, publicamos aqui o vídeo para que você possa acompanhar na íntegra.

Aliás, a Umbanda é citada rapidamente, sem maior profundidade.

No entanto, isso não quer dizer que os Terreiros de Umbanda sofram menos do que os de Candomblé.

O Disque 100, responsável por acolher as denúncias, não só pautou a reportagem como traduz a dura realidade.

Ou seja: não há políticas públicas neste momento engajadas em mitigar a intolerância religiosa no Brasil.

Ao passo que o trabalho que nós, dos canais Umbanda Eu Curto, assim como outras iniciativas relacionadas à Umbanda fazem, é de suma importância para o esclarecimento dos umbandistas sobre a religião.

Pois acreditamos que cada umbandista deve ser o divulgador e desmistificador da Umbanda.

Recomendamos também a todos conhecer o IDAFRO que surgiu para a defesa dos Terreiros e para seus direitos.

O Instituto, inclusive, possui atendimento em Plantão 24 horas para seus membros. Confira AQUI.

É o diálogo que fará com que a intolerância diminua.

Tanto quanto a união dos umbandistas deve ser promovida para que façamos valer nossos direitos constitucionais.

Por fim, na dúvida, não hesite: Disque 100.

LEIA TAMBÉM  Intolerância no RJ: medo do desconhecido ou ação orquestrada?

Conheça o Disque 100

O Disque 100 hoje faz parte do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Assim, é o principal canal que recebe, analisa e encaminha denúncias de violações dos direitos humanos diversas.

O Disque 100 funciona diariamente, 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados.

Portanto, as ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem gratuita.

Igualmente, podem ser feitas de qualquer telefônico fixo ou móvel (celular), bastando discar 100.

O serviço pode ser considerado como “pronto socorro” dos direitos humanos.
Pois atende também graves situações de violações que acabaram de ocorrer ou que ainda estão em curso.


Utilize a força da Linha dos Pretos Velhos em seu dia a dia. Conheça o livro digital Mandingas de Preto Velho – Oferendas, Firmezas, Orações, Rezas e Banhos AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here