Bienal do Livro de SP vai abordar fé e ciência em debate inter-religioso

0
4412
Publicidade

Bienal do Livro de SP terá novidades em 2018.

Uma monja budista, um rabino, um médium umbandista e um católico se sentam para bater um papo.

Os mais desavisados poderiam achar que vem uma piada na sequência, mas a conversa é séria.

Numa interessante e importante iniciativa da 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, esse elenco de convidados, com vários pesos-pesados dessas tradições religiosas no Brasil, vão conversar sobre suas crenças e sobre a relação entre ciência e religião, entre outros temas.

A conversa já tem dia e hora marcados.

Programe-se com antecedência para a Bienal do Livro!

Vai ser no dia 8 de agosto, às 18h30, no espaço Arena Cultural da Bienal do Livro. Os convidados são:

– A zen-budista monja Coen, autora do livro “Zen para Distraídos”;

– O rabino Nilton Bonder, da Congregação Judaica do Brasil, que lançará lá o livro “Alma & Política”;

– O cientista da religião Alexandre Cumino, médium e sacerdote de umbanda, cujo livro “Exu não é Diabo” também será lançado por lá;

– E o escritor, advogado e professor de direito católico Pedro Siqueira, autor de obras como “Senhora das Águas”.

Diálogo inter-religioso sério e respeitoso é sempre um negócio raro no Brasil e no mundo.

E é esta a oportunidade que a Bienal do Livro de SP traz para todos.

Tomara que essa oportunidade seja bem aproveitada e se repita!.

EVENTO
Debate inter-religioso na Bienal do Livro de SP

DATA
8 de agosto de 2018

HORÁRIO
18h30

LOCAL
Espaço Arena Cultural – Bienal do Livro de SP

 

Fonte: Folha de São Paulo/Reinaldo José Lopes (Reprodução)