Publicidade
Início Matérias Defumações Louro: queimar folhas em casa traz benefícios surpreendentes

Louro: queimar folhas em casa traz benefícios surpreendentes

0
9791
Publicidade

Louro em folhas é parte do cotidiano do brasileiro, disso não há dúvida.

Por milhares de anos, os seres humanos utilizam estas folhas no preparo de alimentos devido às suas propriedades de melhora de digestão, reforço respiratório e anti-inflamatório.

Além de tempero, há uma outra ótima função para absorver os benefícios da sua folha: você pode queimá-la com um fósforo.

Este fogo intenso vai funcionar muito mais rápido do que fogo brando para liberar os seus compostos ativos.

Ao queimá-las e inalar o cheiro (não a fumaça diretamente), você se abre para uma série de benefícios impressionantes. Aqui estão dois benefícios:

1 – Redução da ansiedade

A folha de louro contém um composto chamado linalol. Um estudo da American Association of Nurse Anesthetists descobriu que linalol diminui a ansiedade e aumenta a interação social.

Em menos de 10 minutos após cheirar uma folha em chamas o linalol começa a trabalhar. Alguns até já descreveram o efeito como levemente psicodélico.

(Quem diria que folha de louro dá barato…)

2 – Alívio respiratório

Estas folhas contêm mirceno e eugenol. Ambos os compostos possuem excelentes propriedades anti-inflamatórias e são, de fato, muito utilizados em terapia de redução de tensão.

Quando você queima uma folha de louro estes compostos se espalham pelo ar. Uma vez inalados, eles vão reduzir qualquer inflamação respiratória. Isso pode fazer maravilhas se você sofre de alergias ou tem um forte resfriado.

Como queimar folhas de louro corretamente

Quando queimadas de forma correta, as folhas de louro liberam os seus benefícios muito rapidamente.

Pegue uma folha seca e coloque-a em um cinzeiro. Deixe a folha em chamas e saia do ambiente por alguns minutos. Se possível, feche a porta do ambiente, para o aroma preenchê-lo.

Quando você voltar, sopre as brasas do louro queimado e respire profundamente.

O que você achou da ideia? Já queimou folhas de louro alguma vez?

Compartilhe suas experiências através dos comentários!

Matéria reproduzida do site O Segredo – Fonte: David Wolfe