Publicidade
Início Matérias Textos Problemas afetivos: mironga de Preto Velho pode ajudar

Problemas afetivos: mironga de Preto Velho pode ajudar

0
9392
Publicidade

Problemas afetivos são campeões nos Terreiros de Umbanda.

Duvida? Pergunte pra um médium incorporante com alguma experiência.

Saúde, problemas financeiros e familiares também são grandes ocorrências, mas problemas afetivos vencem.

E porque será que isso acontece?

Há muitas explicações. Se você perguntar na rua para uma, duas ou três pessoas terá respostas diferentes.

É a correria do dia a dia; a falta de compromisso das pessoas; a falta de amor…

Falta de amor? Como assim?

O amor continua existindo. Ele pode ser considerado um definidor da humanidade.

Todos temos a capacidade de amar.

O que parece certo é que hoje há muitas ‘distrações’ para o amor: internet, redes sociais, games, compromissos, correria do dia a dia, e por aí vai.

Nada justifica a ausência do amor, muitos dirão. E estarão certos.

Mas neste mundo moderno em que vivemos, amar parece muitas vezes uma ‘tarefa’ difícil.

Queremos estar juntos, primeiro por motivações egoístas (“quero alguém pra mim”) e se isso não se transforma, logo surgem problemas afetivos.

OK, este texto não tem pretensão de dizer tudo sobre o tema. Pelo contrário: é uma gota no oceano.

Assim, reunimos alguns conselhos de Preto Velho para problemas afetivos.

É sabedoria pura!

***

Mironga pode ser definida como mandinga de Preto Velho em favor dos filhos que o procuram.

Aqui vão algumas mirongas passadas por Eles para resolver as dificuldades do coração.

Leia tudo com muita atenção e principalmente, aplique isso no seu dia a dia. Grande é a força dessas pequenas dicas!

1 – Aprenda a viver sozinho
Caso você não consiga nem viver consigo mesmo, como poderá levar felicidade e alegria para outra pessoa?
Primeiro relacione-se com seu eu interior. Depois busque alguém.

2 – Assuma a responsabilidade pelo seu relacionamento 
Não é magia, inveja, ciúmes de terceiros, etc., que irá separar aquilo que o amor uniu.

3 – Nada nem ninguém irá te ‘prender’
É claro que também nenhuma simpatia, reza ou trabalho irá unir ou “amarrar” aquilo que a falta de carinho desuniu.

4 – Simplifique!
Quem procura as coisas ocultas para resolver problemas sentimentais é imaturo. Ruim do juízo e doente do coração.

5 – Desapegue-se!
Ser humano é um bicho apegado. O único problema: amor é um sentimento livre.
Um eterno querer bem. Um carinho incondicional. Quase um sentimento de devoção.
Se você ‘gosta’ tanto de alguém que prefere ele morto do que feliz com outra pessoa, escute: Isso não é amor!
É simples ilusão disfarçada…

6 – Aprenda que ninguém irá te completar
Você já é completo! Mas quando um relacionamento é calcado no mais puro amor, muito do amado vive no amante, e muito do amante pra sempre viverá no amado.
Quer milagre maior que esse?

7 – Melhor sozinho do que mal acompanhado!
Sabedoria popular, mas o que têm de doutor e doutora que não consegue entender isso, vixi…

8 – Ponha o pé no chão e esqueça essa história de alma gêmea
Pare de enfeitar suas próprias desilusões com devaneios ditos espiritualistas.
Encare a realidade de frente.

9 – A vida vai passando
A vida passa com ele (a). Ficamos mais próximos da morte. É bom lembrar disso.

10 – Por isso, vão viver a vida meus filhos!
Quem sabe ela não está guardando um presente para vocês?
Não existe mironga maior que essa: viva a vida que ela se encarregará de abrir caminhos!

***

E aí? Que tal eliminar os problemas afetivos?

Já pratica alguma destas mirongas de Preto Velho? Conte pra nós aí embaixo!

 

Texto produzido a partir de mensagem a um médium de Umbanda por Vó Dita em 11/02/2007.