Publicidade

Oyá-Tempo é Orixá que, junto a Oxalá, dá sustentação a todas as manifestações da Fé.

Ela ampara a todos que estimulam a evolução religiosa dos seres.

O campo preferencial de atuação da Oyá-Tempo é o campo religioso, onde atua como ordenadora do caos.

Rege a religiosidade nos seres e absorve a Fé em desequilíbrio para reconduzir os seres ao caminho do equilíbrio.

Ela é o próprio espaço-tempo onde tudo se manifesta.

Por isso dizemos que é uma divindade atemporal, ou seja, é em Si o próprio Tempo, não está sujeita ao Tempo, mas rege o seu sincronismo.

Nossa relação ou noção de espaço-tempo depende da movimentação dos astros no espaço, e daí vêm os conceitos de dia e noite, bem como o nosso senso cronológico.

Simbolizada pela espiral do Tempo, manifesta-se em todos os locais, assim como Oxalá.

Oyá-Tempo é a essência cristalina da fé, e irradia a mesma a todo momento.

Mas, como tudo se polariza em dois tipos de magnetismos no universo, então um polo é Oxalá e o outro é Oyá-Tempo.

Assim, enquanto Oxalá é a Fé propriamente, Oyá-Tempo é o implacável Tempo, onde são desmagnetizados os seres desequilibrados nas coisas da Fé.

Oyá é o próprio Tempo por onde caminham os seres que estão buscando o Criador; é o rigor divino para com os filhos que Lhe voltaram as costas, abdicando da fé no Criador.

Em seu mistério, entende-se que sua atuação e dá principalmente naqueles que vivem sob a ilusão da ausência de religiosidade/espiritualidade, como se o universo fosse apenas aquilo que os olhos vêem.

Ela atua no ser acelerando sua busca pela Fé ou até mesmo afastando-o das coisas religiosas (quando há exagero neste campo), direcionando sua evolução para outros Sentidos da Vida.

Enquanto Oxalá é irradia a Fé, Oyá-Tempo absorve desvios e desequilíbrios.

 

Relações

 

Irradiação:
Campo de atuação: Condutor, Desmagnetizador e Descristalizador
Elementos: Espiral do Tempo
Cores: Azul escuro (também o branco/preto juntos)
Data comemorativa: 11 de agosto
Dia da semana: Todos os dias
Sincretismo: Santa Clara

COMPARTILHAR
Artigo anteriorOmulu
Próximo artigoOroiná
O Umbanda Eu Curto foi fundado em 2011 e trará sempre discussões e ensinamentos importantes sobre a Umbanda. De forma leve, trataremos nossa religião sempre com muito respeito e responsabilidade, tornando claros os conceitos em mais de 100 anos de história.