Publicidade

Pombagira na Umbanda se manifesta como Guia de Trabalho que atua na chamada Linha de Esquerda.

São espíritos humanos que tiveram várias encarnações e que, com o tempo, obtiveram a permissão da Lei Maior para se apresentarem à Esquerda dos Orixás e trabalharem em favor da nossa evolução.

Dentro da Umbanda, o nome Pomba Gira (junto ou separado) pode ser traduzido como: mensageira dos caminhos à Esquerda.

“Pomba” é um pássaro que já foi usado como correio (pombos-correios); e “gira” expressa a idéia de movimento, caminhada, deslocamento, etc.

Como essas Entidades atuam na Esquerda, vem daí o significado de mensageira dos caminhos à Esquerda.

Na Umbanda, a Pombagira é cultuada como Entidade de Trabalho, como Espírito que trabalha a serviço da Luz e que, portanto, só pode praticar o Bem.

Pelo fato de Exus e Pombagiras atuarem em planos muito próximos às faixas vibracionais da Terra, são espíritos profundamente conhecedores das paixões humanas, de seus desejos, defeitos e qualidades. Trabalham atuando nessa energia para ajudar quem busca suas orientações.

Como todas as Entidades, a atuação de Pombagira é sustentada por um Orixá.

E este Orixá Sustentador manifesta um Mistério Divino e é chamado de Orixá Pombagira.

Seus fatores principais são o Estímulo e/ou Desejo, pois esta é a Energia que a Pombagira nos transmite, e com muita propriedade!

O despertar do estímulo, do gosto pela vida, o “start” para levarmos avante os nossos esforços pela conquista de uma vida melhor, mais saudável e equilibrada, em todos os setores é o que podemos esperar quando em atendimento frente a um (a) médium incorporado.

Relações

Regência principal: Orixá Pombagira
Campo de atuação: Estímulo e Desejo
Cores: Vermelho, Preto e Bicolor Preto e Vermelho
Ervas: Patchouly, malva rosa, rosa vermelha, canela, amora, hibisco, pitanga, entre outras
Flores: Rosa branca e vermelha
Bebidas: Champanhe, vinhos doces e sucos de morango, cereja, acerola ou de maçã
Oferendas: Morango, cereja, maçã, romã, acerola, pêssego, laranja, limão; frutas ácidas e vermelhas em geral. Mescle com bebidas, flores e velas
Banhos: Rosas brancas e vermelhas, mel, cravo da Índia, canela e perfume doce
Data comemorativa: Não há
Dia da semana: Não há um dia específico
Sincretismo: Não há
Saudação: Laroyê!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPreto Velho
Próximo artigoMarinheiro
O Umbanda Eu Curto foi fundado em 2011 e trará sempre discussões e ensinamentos importantes sobre a Umbanda. De forma leve, trataremos nossa religião sempre com muito respeito e responsabilidade, tornando claros os conceitos em mais de 100 anos de história.